No dia da avó...



Meus pais mandaram para os netos a mensagem abaixo. Havia fotografado uma senhora no Jardin de Luxembourg que parece muito mais com a avó do poema do que a avó "de verdade"...


Aí a mensagem que mandamos para os netos.
Raimundo e Lindalva.


Olavo Bilac

A Avó

A avó, que tem oitenta anos,
Está tão fraca e velhinha! . . .
Teve tantos desenganos!
Ficou branquinha, branquinha,
Com os desgostos humanos.

Hoje, na sua cadeira,
Repousa, pálida e fria,
Depois de tanta canseira:
E cochila todo o dia,
E cochila a noite inteira.

Às vezes, porém, o bando
Dos netos invade a sala . . .
Entram rindo e papagueando:
Este briga, aquele fala,
Aquele dança, pulando . . .

A velha acorda sorrindo,
E a alegria a transfigura;
Seu rosto fica mais lindo,
Vendo tanta travessura,
E tanto barulho ouvindo.

Chama os netos adorados,
Beija-os, e, tremulamente,
Passa os dedos engelhados,
Lentamente, lentamente,
Por seus cabelos, doirados.

Fica mais moça, e palpita,
E recupera a memória,
Quando um dos netinhos grita:
"Ó vovó! conte uma história!
Conte uma história bonita!"

Então, com frases pausadas,
Conta historias de quimeras,
Em que há palácios de fadas,
E feiticeiras, e feras,
E princesas encantadas . . .

E os netinhos estremecem,
Os contos acompanhando,
E as travessuras esquecem,
— Até que, a fronte inclinando
Sobre o seu colo, adormecem . . .

6 comentários:

  1. Descobri seu novo blog, amiga.
    Abração.

    ResponderExcluir
  2. Lívio,
    pensava que você já havia passeado no novo endereço...
    Contente com a visita!
    Um abraço, Lisbeth

    ResponderExcluir
  3. Oi tia Lisbeth!
    adorei o poema sobre o dia da avó e a foto também achei bacana.Ai quando vi a foto e o poema juntos, vi que era mesmo minha tia que tinha feito. =D

    Beijos e abraços Tales.

    ResponderExcluir
  4. Tales,
    sua tia escutou esse poema muitas vezes... seus avós sabem decorado... Agora vovô usa a internet para mandar para os netos... acrescentei a "vovó". O lugar você conhece bem...
    Um abraço e gostei de saber que você andou por aqui! Lisbeth

    ResponderExcluir
  5. Lindalva de Oliveira Lima29 de julho de 2010 14:53

    Lis,
    temos lido seu blog e gostado muito.O interessante é que Dr. Manoel, no Hotel Areiense, quando você tinha menos de 3 anos, já dizia que foi a primeira vez que viu uma criança parar para pensar antes de dar uma resposta. Hoje você para, pensa, registra e passa adiante. Continue assim. Seu pai e sua mãe.

    ResponderExcluir
  6. Vocês dois são uma graça! Uma graça de Deus!
    Um abraço, Lisbeth

    ResponderExcluir